Best romantic escapes nos Estados Unidos

No próximo domingo, dia 14, o “Valentine’s Day” é comemorado em grande parte do mundo.  A data é festejada principalmente nos Estados Unidos, quando muitos casais aproveitam o dia (ou o fim de semana inteiro) para conhecer as chamadas “romantic escapes”. São cidades que, grande ou pequenas, exaltam o romantismo de cada casal e são cheias de passeios legais para curtir a dois.

E, mesmo que o Brasil comemore o “Dia dos namorados” apenas em 12 de junho, queremos aproveitar que o romance está no ar (pelo menos no resto do mundo) e indicar 10 cidades americanas perfeitas para namorar, em qualquer dia que seja. Segue abaixo a nossa seleção. Happy Valentine’s!!

Aspen: no Colorado, é um dos destinos must see do inverno americano. Famosa pelas estações de esqui, a cidade de cerca de 6 mil habitantes oferece muito mais do que isso: é perfeita para unir diversão com requinte, lojas especiais e excelentes restaurantes no centrinho da cidade.  A temporada de esqui vai de novembro a abril (inclui o Valentine’s, portanto!) e há quatro montanhas (Buttermilk, Snowmass, Aspen Highlands e Aspen Mountain), com diferentes níveis de dificuldade.  Já falamos de Aspen outras vezes no Spice. Veja aqui.

Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/538813542897204741/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/538813542897204741/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/502573639643021205/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/502573639643021205/

Boston: a capital do Massachussets não poderia ficar de fora da lista, afinal, a cidade é um charme só. Boston é conhecida por ser uma das cidades mais “europeias” do país, e é pioneira no movimento que resultou na Declaração de Independência dos Estados Unidos. A cidade é cheia de construções charmosas (estilo inglês) e muita área verde, além de sediar importantes universidades (MIT e Harvard) e ter grande presença nos esportes (como o time de futebol americano New England’s Patriots e o Red Sox, de baseball).  Abuse do romantismo com um piquenique pelo Boston Public Garden, passeios de barco pelo rio Charles (chamados de duck tours) e desfrute dos inúmeros barzinhos charmosos na região de Beacon Hill. Outras informações de Boston estão nesse link.

Boston Public Garden/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/298926493992050835/
Boston Public Garden/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/298926493992050835/
Rio Charles/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/530650768573225735/
Rio Charles/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/530650768573225735/

Charleston: na Carolina do Sul, a cidade de cerca de 150 mil habitantes respira história, natureza e arte. É um lugar repleto de galerias, prédio e ruas antigos (e super bem preservados) e cemitérios (que são uma bela paisagem, por sinal). Mas se engana quem pensa que a cidade “parou no tempo”. Charleston também é referência quando se fala em gastronomia de alto padrão. Não perca o Fort Sumter (forte de onde partiu o primeiro tiro da história dos Estados Unidos), o Charlestone City Market (cheio de produtos locais), e, claro, as praias (Sullivan’s Island, Isle of Palm e Folly Beach).

Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/530650768573225735/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/530650768573225735/
Folly Beach/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/450641506436134554/
Folly Beach/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/450641506436134554/

Chicago: a terceira maior cidade dos Estados Unidos fica em Illinois e tem cerca de 2,7 milhões de habitantes. Chicago é conhecida por ser uma das cidades mais modernas do país, com grande número de empresas de telecomunicações, transporte e infra-estrutura. O lago Michigan (que faz fronteira com o Canadá) é um dos grandes atrativos da cidade. Passeios diferenciados para curtir a dois são: subir no topo da Torre Sears para ver o pôr do sol, fazer um cruzeiro pelo lago (chamado de Odissey) e passear de balão (a cerca de 500 pés de altitude). Outras atrações de Chicago podem ser vistas aqui.

Torre Sears/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/151292868707333896/
Torre Sears/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/151292868707333896/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/402509285419318311/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/402509285419318311/

Jackson Hole: o vale entre a cordilheira do Teton e a cordilheira Gros Ventre foi apontado como o melhor resort de esqui dos Estados Unidos pela revista Forbes em 2013. É um destino de inverno menos procurado por turistas estrangeiros, mas não menos charmoso. É lá que fica o Yellowstone Park e os geisers americanos. Jackson Hole possui duas montanhas, divididas por um rio. O centrinho é menor, mas há outro melhor equipado a cerca de 20 minutos de carro.

Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/326299935473039801/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/326299935473039801/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/434667801510379811/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/434667801510379811/

Maui:  a segunda maior ilha do Havaí tem pouco mais de 1,8 km² e é sinônimo de sofisticação. Isso devido à combinação de grande número de resorts de luxo instalados no local nos últimos anos. Maui também é menos procurada pelos turistas, mas super conhecida quando se fala em destinos românticos: além de lindas, as praias da ilha são mais desertas e há diferentes passeios exóticos com direito a cachoeiras no meio da mata. O ponto alto de ir a Maui é o Haleakala National Park: curtir as piscinas naturais de Oheo Gulch e observar o nascer do sol do alto do vulcão inativo de mesmo nome do parque deixam a estadia ainda mais especial (e romântica) por lá.

Halekala National Park/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/126523070750992459/
Haleakala National Park/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/126523070750992459/
Oheo Gulch/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/294915475574846476/
Oheo Gulch/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/294915475574846476/

Nova York:  a “cidade que nunca dorme” é uma boa pedida em qualquer momento. Com cerca de 08 milhões de habitantes ( e mais os milhões de turistas que recebe o ano inteiro), a cidade passa a impressão de que tudo é muito lotado por lá. Isso, de fato, é verdade, mas não significa que não se pode aproveitar. Experimente andar de carroagem pelo Central Park, vá ao parque Williamsburg Waterfront (no Brooklyn, para a melhor vista de Manhattan ever), passeie de barco (com a Circle Line) e, claro, jante em algum rooftop. Tudo sobre NY já falado no Spice está aqui.

Williamsburg Waterfront/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/319966748498992423/
Williamsburg Waterfront/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/319966748498992423/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/328833210262839683/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/328833210262839683/

New Orleans: a capital da Louisiana tem cerca de 370 mil habitantes e é uma das cidades mais ricas culturalmente nos Estados Unidos. Fundada por franceses, Nova Orleans carrega até hoje as características arquitetônicas da Europa, mesmo depois do furacão Katrina ter atingido o local em 2005. A culinária tem forte influência africana, o que garante uma gastronomia excelente em qualquer lugar. Nova Orleans também é o berço do jazz, o que significa boa música e vida noturna repleta de opções, principalmente na Bourbon Street. Além disso, sugestões de programas românticos são: andar de barco a vapor pelo rio Mississipi, passear pelas plantações  históricas ou pântanos da região e, para quem curte algo inusitado, fazer o Haunted Tour (tour noturno com histórias de terror).

Bourbon Street/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/328833210262839683/
Bourbon Street/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/328833210262839683/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/297659856594720582/
Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/297659856594720582/

San Francisco: um dos lugares mais procurados da Califórnia, San Francisco não fica de fora da lista de romantic escapes. A cidade de cerca de 800 mil habitantes oferece, além das praias, ótimas opções culturais e, principalmente, de lazer ao ar livre. Além dos passeios tradicionais, fazer a trilha chamada de Lover’s Lane no parque Presidio, jantar no The Top of the Mark (rooftop), andar de carro pela Lombard Street e ir ao Aquarium of the Bay (um dos aquários com maior vida marinha da costa oeste) são boas pedidas para o casal. Veja mais informações sobre SF já abordadas no Spice aqui.

Lover's Lane/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/243546292327073796/
Lover’s Lane/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/243546292327073796/
Lombard Street/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/411938697139294605/
Lombard Street/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/411938697139294605/

Seattle: a maior cidade do estado de Washington está entre os dez maiores portos da América do Norte.  Com pouco mais de 650 mil habitantes, Seattle é um importante polo econômico e de comércio dos Estados Unidos (e nem por isso é menos turística). O clima por lá é bastante chuvoso: ponto positivo para quem enxerga romantismo na chuva. Mas quem não se intimida com o mau tempo também sai ganhando. A cidade é cheia de atrações que incluem, principalmente, museus e parques. Para curtir o Valentine’s, sugerimos ir até a Space Needle (para ter uma vista aérea da cidade), passear de barco com jantar incluso pelo Puget Sound (uma enseada) e andar de bicicleta pelo Gas Works Park (na beira da água).

Space Needle/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/361484307564757939/
Space Needle/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/361484307564757939
Gas Work Park/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/426223552214408047/
Gas Work Park/ Crédito foto: https://br.pinterest.com/pin/426223552214408047/

 

 

Leave a Response