Tudo sobre Capri e Costa Amalfitana – Dica Spice Up

A Costa Amalfitana, um trecho de aproximadamente 60 km entre Sorrento e Salerno, no sul da Itália, certamente é um dos lugares lembrados quando se pensa em paisagens deslumbrantes, clima de romance, boa mesa e lindas praias. A estrada sinuosa e estreita vai costeando o mediterrâneo, ligando as cidades de Amalfi, Positano, Praiano, Ravello, Maiori e Minori. Não por acaso é escolhida por muitos casais em lua-de-mel: o romantismo faz parte do ambiente. Dirigir pelas estradas da costa amalfitana é um verdadeiro prazer, cada curva representa uma janela para as paisagens mais lindas da sua vida. A maioria dos hotéis possui vista pro mar, assim como os melhores restaurantes, ou seja, tudo planejado para você se deixar levar pelo astral indescritível proporcionado pelo encontro do mar azul turquesa com as íngremes montanhas rochosas. Nesse pedaço do paraíso, contudo, alguns perrengues podem transformar seu sonho em pesadelo, por isso selecionamos algumas dicas para facilitar suas férias:

Nocelle

Alugue um carro: visitar a Costa Amalfitana e não dirigir deve ser um pecado! Evite ônibus de excursão e as linhas tradicionais que operam por lá: tudo que você não vai querer é perder horas do seu dia esperando ônibus ou tendo que subir e descer escadarias íngremes (em muitos lugares o ônibus não consegue entrar). De preferência, alugue um carro pequeno, vai facilitar sua vida nas estradinhas mais apertadas. Se você não gosta de dirigir ou enjoa em estrada com muitas curvas, receio dizer que esse não é o seu destino pras próximas férias.

estrada

estrada-positano-ao-fundo

Fique hospedado em Positano: a cidadezinha encravada no penhasco é a mais charmosa da Costa Amalfitana. A opção de hotéis e restaurantes em Positano é infinitamente superior às vizinhas Amalfi e Praiano. A praia de Positano é bonita, contudo o que vale mesmo é pegar um barco e desbravar a região. Os preços não são tão caros como se imagina e se pode alugar um pequeno barco à motor mesmo sem experiência. Além disso, existem diversos paradores ao longo da costa que só são acessíveis pelo mar. Você pode utilizar o serviço de barco gratuito que estes locais disponibilizam (desde que você almoce no restaurante do parador). A cada meia hora, um barco exclusivo desses paradores faz o transfer aquático desde Positano. Ótima opção para curtir praia em um lugar diferente, bem como para apreciar Positano do ângulo mais belo: do mar.

hotel-santa-caterina---amalfi

Dentre estes paradores, recomendo em primeiro lugar o One Fire Beach, que está mais para beach club do que para restaurante. Este local lembra os melhores paradores da Croácia, fica numa parte totalmente rochosa, com clima animado, refeições leves e opções de mergulho incríveis. Se possível, passe a tarde ali sem pressa, curtindo o house fino do DJ até o sol se pôr bem na sua frente. Também vale a visita nos restaurantes Da Adolfo e Arienzo, ambos também com praia particular. Se estiver disposto a gastar mais no passeio, o destino deve ser a Conca del Sogno, em Nerano (este não conta com serviço de barco gratuito desde Positano ).

parador-na-costa-amalfi

parador-one-fire vista-one-fire-beach

barco-restaurante-da-adolfo

Nos arredores de Praiano, com acesso pela estrada, vale a pena conferir a Marina di Praia. Trata-se de uma minúscula praia encravada dentre as curvas da estrada, cercada pelas montanhas (o sol ali dura até as 4 da tarde, no máximo), com excelentes opções de restaurantes, como o Il Pirata, Alfonso al Mare e Trattoria da Armandino. Vale a parada pra curtir a pedregosa praia, mergulhar e almoçar por ali mesmo.

praiano

Marina-di-Praia

atum-selado-il-pirata ir-pirata-praiano

alfonso-a-mare

Evite os meses de julho e agosto, auge das férias de verão na Europa, pois o trânsito de veículos e os preços exorbitantes podem estragar sua viagem. Recomendamos os meses de maio, junho e setembro, onde o clima já é agradável pra um banho de mar e o turismo um tanto mais sossegado.

Para comer em Positano: restaurante Next 2 (cozinha contemporânea com destaque para os frutos do mar, Ristorante Caffè Positano (a melhor vista, com uma comida deliciosa), La Sponda at Le Sirenuse Hotel (o TOP de Positano, faça reserva e prepare o bolso), La Tagliata (afastado da cidade, com serviço de transporte desde Positano por causa do difícil acesso, prepare-se para comer bem e em grande quantidade, menu degustação farto e repleto de massas locais, vista incrível) e Ristorante Al Palazzo (nos jardins do Hotel Palazzo Murat – excelente comida e serviço impecável). Após a janta vale conhecer o Music Bar, na beira da praia, muito astral (tem restaurante ali tb).

vista-cafe-positano

hotel-la-sirenuse---positano

Para comer em Amalfi: Da Gemma  – antiga trattoria (1872) com excelente comida italiana.

Se tiver tempo sobrando, vale visitar Ravello e seus dois jardins famosos, Villa Ruffolo e Villa Cimbrone. Como a cidade fica no alto da montanha o acesso é meio complicado e não tem praia, mas a vista é incrível.

Capri, por sua vez, não fica na Costa Amalfitana, mas em frente. Esta ilha incrivelmente linda e sofisticada não pode faltar no roteiro de quem passeia pela região. Diversas são as opções de acesso, com barcos saindo desde Sorrento, Positano, Nápoles, dentre outros. A principal dica de Capri é fugir dos roteiros tradicionais de apenas passar o dia na ilha e dormir por lá. Sim, dormir em Capri é caro, eu sei. Mas compensa! Desfrutar um dia inteiro em Capri, sem pressa, curtindo o final de tarde tomando um bom vinho sem se preocupar em pegar o barco de volta, caminhar pelas ruelas em volta da praça principal, conhecer os melhores ângulos da ilha…isso tudo leva tempo…e não tem preço.

Capri

passeio-de-barco-em-capri

Recomendo a hospedagem no Hotel Casa Morgano. Ficamos lá e a estadia foi incrível. A atenção e gentileza dos funcionários, o conforto dos quartos, a localização do hotel (próximo da praça central e do acesso ao Faraglioni), a vista para o mediterrâneo, o café da manhã de cinema…tudo isso faz valer cada euro investido nesse 5 estrelas.

Hotel-Casa-Morgano---capri

Quanto aos passeios, recomendo visitar Anacapri apenas se tiver tempo sobrando ou se quiser tirar a foto da sua vida. Desde Anacapri se tem um mirante com a melhor vista de Capri. É de tirar o fôlego!

Capri-vista-desde-Anacapri

Um passeio que não pode faltar em qualquer roteiro é a volta à ilha de barco. Capri fica ainda mais linda quando observada desde o mar. O passeio dura em torno de 3 horas e custa 150 euros para um casal, num barco privativo com marinheiro e todo conforto necessário. Só curtir e relaxar, com paradas pra mergulho e pra visitar a famosa Gruta Azul. Leve um vinho branco bem gelado para completar o passeio em grande estilo.

Capri-desde-o-barco

Para passar o dia, em terra firme, vale descer até o Faraglioni (três rochedos imensos e famosos numa baía linda) e escolher se quer passar o dia no Da Luigi Ai Faraglioni ou no La Fontelina. São dois paradores com restaurante, cada qual de um lado do Faraglioni, portanto com uma vista totalmente oposta. Difícil escolher qual dos dois é o melhor, por isso sugiro passar uma tarde em cada um e tirar sua própria conclusão. Importante: os dois paradores tem um barco privativo que leva pra Marina Piccola de hora em hora. Vale muito a pena pegar o barco para não ter que encarar toda a caminhada de subida na volta, além de que a visita à Marina Piccola também é programa obrigatório em Capri.

Da-Luigi-vista-mar

Da-Luigi-Al-Faraglioni---Capri

massa-do-Da-Luigi-Al-Faraglioni

Da-Luigi-parador-em-Capri

La-Fontelina---Capri

Hotel-na-Marina-Piccola

Para jantar, Capri oferece ótimas opções de restaurantes, com frutos do mar frescos e deliciosos. Vale a refeição no Da Paolino, bem charmoso, onde as mesas ficam embaixo de um céu de limoeiros, e no Il Geranio, que possui um ambiente agradável com linda vista e frutos do mar de primeira qualidade. Também indicamos o restaurante Terrazza Brunella (chegue cedo e tente pegar uma mesa na janela) que tem uma das vistas mais lindas pra Marina Piccola e o Quisi Bar, point certeiro pra um drink antes da janta, bem no agito de Capri, próximo da praça central. Ah, e como não poderia faltar, após as refeições a pedida é uma dose do tradicional Limoncello, produzido ali mesmo, extremamente saboroso e digestivo.

Terrazza-Brunella---Capri

IMG_7190

By Lucas Willadino e Paula Rabin 

Banner-Lua-de-Mel_opturismo

1 comentário

  1. Olá, sou Mariana, brasileira e moro em Positano há 10 anos, para qualquer informação para translado, hospedagem e/ou excursões para Capri e Costa Amalfitana, estarei a disposição.
    Tenho ótimos apartamentos super novos e mobilados.
    Podem entrar em contato pelo meu email nany_mbr@hotmail.com ou WhatsApp +393349129013

Leave a Response